Cejusc de Araguaína realiza segunda etapa de audiências de conciliação sobre revitalização da Feirinha

O Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) da Comarca de Araguaína está realizando, de 05 a 06/12, a segunda etapa do esforço concentrado de audiências de conciliação com a prefeitura, comerciantes e moradores afetados pelo projeto de revitalização da região da Feirinha. Foram selecionados 70 casos com 29 pré-processos já encaminhados ao Cejusc para audiências de conciliação.   Já no primeiro dia (05/12), das 10 audiências realizadas, 09 acordos foram exitosos. Na primeira etapa, que aconteceu de julho a outubro de 2017, o índice de acordos exitosos foi de 93%. “Essa forma de acesso à justiça pelo setor pré-processual do Cejusc permite aos interessados participação ativa na construção da decisão e solução dos litígios de forma consensual, aplicando técnicas próprias da conciliação, com auxílio dos conciliadores”, disse a coordenadora do Cejusc, juíza Umbelina Lopes. A Feirinha As cidades estão em dinâmica permanente de mudança e a desocupação de áreas públicas irregularmente ocupadas é um dos problemas que mais geram conflitos no âmbito do desenvolvimento das cidades, especialmente quando se trata de área de relevante valor cultural e comercial, como é a região da Feirinha, mas que com o passar dos anos se tornou também local de venda e uso de drogas, violência e outras mazelas sociais. A equipe do Cejusc trabalha para ajudar a solucionar os conflitos gerados pela desocupação, que tem impacto direto na vida dos moradores e comerciantes da região.    
06/12/2019 (00:00)
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia