Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,94 3,94
EURO 4,49 4,49

Concluído cronograma de implantação do sistema de alvará eletrônico

O cronograma de expansão do alvará eletrônico estabelecido em todo o estado foi concluído. As comarcas de Arapoema, Wanderlândia, Filadélfia, Goiatins e Itacajá receberam o treinamento de capacitação do Poder Judiciário sobre a geração de guias para depósito judicial, vinculação e gerenciamento de contas, consultas de saldo, extrato, bem como edição de alvará para transferência entre contas judiciais e edição de alvará eletrônico, na quinta e última etapa. Para a assessora jurídica Ingrid Saraiva, da comarca de Arapoema, a implantação veio para complementar e auxiliar a prestação jurisdicional. “A ferramenta trouxe vários benefícios, como a celeridade, porque o cidadão que ingressa com o processo, deseja rapidez na entrega da prestação do serviço judiciário e essa ferramenta proporciona isso.” “O sistema de alvará é mais dinâmico e célere, uma vez que as informações são prestadas diretamente dentro do próprio processo, é uma agilidade muito grande na própria formatação do documento”, complementou a servidora Ilana Martins, da Comarca de Wanderlândia. “Agora ficou muito mais prático. Aprovei”, pontuou a servidora de Itacajá Magda Alves da Costa Santana. Maria das Dores Silveira, escrivã cível da Comarca de Goiatins, destacou: “O que melhorou: agilidade, para que a parte possa receber o seu dinheiro. Nós aprenderemos na prática, e no caso de dúvida, vou entrar em contato com o suporte”. Para o juiz Fabiano Ribeiro da comarca de Filadélfia, esse é um passo muito importante para Tribunal de Justiça. “O trabalho realizado demonstrou que o sistema é muito seguro, vai facilitar a vida dos advogados, das partes e, de certa forma trará também uma comodidade para a parte que receberá esse dinheiro de maneira ainda mais segura”, afirmou. A implantação da ferramenta nas comarcas tem o intuito de facilitar o processo de resgate das dívidas judiciais, controlar os pagamentos realizados e evitar fraudes. O primeiro alvará eletrônico foi expedido pelo Tribunal de Justiça para pagamento de precatórios no mês de agosto de 2017.
08/03/2018 (00:00)
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia