Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,74 3,74
EURO 4,20 4,20

Estudantes participam do Projeto Justiça Cidadã em Miranorte

“Quando eu fiquei sabendo do concurso, eu agarrei essa oportunidade com unhas e dentes e dei o meu melhor”. A declaração emocionada veio da estudante Paula Raíssa Marques de Sousa, de 15 anos, aluna do primeiro ano do Centro de Ensino Médio Rui Brasil Cavalcante, que venceu o concurso de redação que teve como tema Justiça Cidadã. Ela disse que aprendeu desde cedo a estar preparada não só para os desafios, mas também para as oportunidades que surgirem. As estudantes Amanda Sousa Lucena e Geany Raquel Rodrigues Veloso conquistaram, respectivamente, o segundo e terceiro lugares na premiação. O concurso de redação fez parte das ações da terceira edição do Projeto Justiça Cidadã, realizado nesta segunda-feira (24/6), no município de Miranorte. A comunidade escolar do CEM Rui Brasil viveu um dia diferente, iniciando com a palestra sobre Educação Digital, onde a delegada Milena Lima tirou dúvidas dos estudantes sobre crimes cibernéticos. Em seguida, a equipe do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) abordou os riscos do uso de entorpecentes. A programação contou ainda com uma roda de conversas sobre o tema Proteção da Criança e do Adolescente. Os debates tiveram a participação do diretor do Foro da Comarca de Miranorte, juiz Cledson José Dias Nunes; da promotora Thaís Massilon Bezerra, representando o Ministério Público; da advogada Camila Barbosa Damasceno, representando a OAB-TO; do delegado de Polícia Civil, Lucas Brito Santana; e do subtenente Vilanês Cristiano Pereira da Silva, comandante do 2º Pelotão da Polícia Militar. O juiz Cledson Nunes abriu os debates, trazendo informações importantes sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Além de responderem a perguntas dos estudantes, os representantes do sistema de justiça falaram de suas próprias carreiras profissionais, sempre incentivando os alunos a continuarem seus estudos e a não desistirem dos seus sonhos, mesmo diante das dificuldades encontradas. O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Helvécio de Brito Maia Neto, juntamente com juiz Cledson José Dias Nunes, premiou os vencedores do concurso de redação, que teve como tema Justiça Cidadã. O desembargador Helvécio Maia conversou com os estudantes e professores e falou que o Tribunal de Justiça está à disposição da sociedade. “Hoje, através do Projeto Justiça Cidadã, viemos passar essa mensagem de diálogo, de respeito e também de valorização da educação. Assim, cremos que a escola deve caminhar junto com a Justiça”, destacou o magistrado. A diretora da escola, Carina Lança Barbosa Cunha, falou da satisfação de receber o projeto e da empolgação dos estudantes em participarem do concurso de redação. “Ficamos muito felizes e sabemos que este dia vai marcar a vida dos nossos alunos para sempre”, ressaltou.  
25/06/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia